Bar Santana coquetelaria clássica muito bem executada

0
746
Gabriel Santana em ação
Foto – Pedro Knoll.

Sempre que vou a um bar procuro sentar no balcão para conversar com o bartender, escutar suas histórias e provar seus drinques autorais. Recomendo isso para todos bar pois é a forma de entender suas criações e trocar experiências.

Essa semana fui conhecer o Bar Santana que tem uma semana abertura. Elegância, sobriedade e conforto: essas são as palavras que Gabriel Santana usa para descrever seu novo bar, o Santana. Em sociedade com mais dois amigos, Fernando Moyses e César Rivitti, trio que se formou na oitava série, o bar é convidativo, descontraído, moderno e se propõe a ter um tipo de serviço personalizado,  a ideia é que os clientes fiquem à vontade para pedir alterações nos drinks e criar suas próprias combinações em uma experiência próxima ao barman.

Drinks autorais – Moringa e Cabroni
Foto – Cesar Adames

Clássicos e autorais

Com uma carta que contempla nove drinks autorais e 51 clássicos, a proposta é trabalhar com produtos de origem brasileira, respeitando sua sazonalidade. Dentre os assinados por Santana, estão o Moringa, que além da brasilidade também é pautado na sustentabilidade, aproveitando todas as partes da goiaba: é feito um cordial com a casca, licor com a polpa e uma tuille da fruta. Drink que premiou Santana com o World Class Competition na Escócia neste ano, o coquetel leva vodka Ketel e tem resultado frutado e refrescante.

Tikitalisker servido no mug e Sazerac servido no copo original do
The Roosevelt Hotel de New Orleans onde foi criado
Foto – Cesar Adames

O Hillbill também aposta em ingredientes brasileiros, como a jabuticaba: é gaseificado na casa e finalizado com uma solução salina que eleva os sabores do drink e alecrim, que lhe confere contraste. Coquetel mais bem pontuado de Santana em uma das edições do World Class Competition, o resultado é um interessante equilíbrio entre o defumado do Black Label Johnny Walker e o tanino da jabuticaba. Já o Cabroni, também assinado por Santana, é uma versão de Negroni com café e tequila Don Julio. Menos amargo que um Negroni usual, o drink é finalizado com chocolate branco pincelado no copo e mix de pimentas – cheia de personalidade, a criação presta homenagem ao México.

Bloody Mary e Espresso Martini – Clássicos muito bem executados
Foto – Cesar Adames

Sustentabilidade &implicidade

O bar também se propõe a trabalhar com ingredientes naturais e produzidos majoritariamente na casa, evitando industrializados e substituindo produtos como o açúcar refinado por mel, por exemplo.

Para acompanhar os drinks, algumas opções de comidinhas que podem mudar semanalmente, como azeitonas marinadas, pipoca temperada e tábuas de queijos, charcutaria e crudites.

O espaço é revestido em madeira e o salão é marcado por um piso vermelho que esbanja personalidade. Na decoração, alguns achados de antiguidade, que dão ao bar uma atmosfera que mescla o vintage com o contemporâneo – característica que também se reflete nos drinks. O bar ainda conta com um balcão aberto para a rua e um deck que acomoda os clientes em uma área externa.

Balcão interno e externo do Santana permite ver tudo que acontece dentro do bar, a direita Gabriel Santana é o clássico Dry Martini
Foto – Cesar Adames

Quem é Gabriel Santana

Gabriel Santana é formado em Gastronomia pela HOTEC e em hotelaria pela Ecole Hôtelière de Genève, na Suíça. Com experiências em bares internacionais, passou pelo Departamento Food & Beverages no Roosevelt Hotel da rede Waldorf Astoria, em New Orleans, EUA, pelo Hotel Mandarin Oriental como chef de bar e, mais recentemente, esteve à frente do Benzina Bar, em São Paulo.

Santana também já conquistou alguns prêmios no mundo da coquetelaria: em Genève, na Suíça, foi o terceiro colocado no Stolichnaya Martini Competition (2015), terceiro colocado no World Class Competition 2016, primeiro colocado no Jagermeister Leman Bar Contest (2017) e primeiro colocado no World Class Competition 2017. De volta ao Brasil, também conquistou o primeiro lugar no World Class Competition 2019. 

Serviço

Endereço: Rua Joaquim Antunes, 1026 Telefone: (11) 99105-6699

Capacidade: 25 lugares

Funcionamento:  Segunda a sexta – 17h às 23h  Sábado – 14h às 23h  Domingo – 14h às 20h

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here