Cerveja Belga De Halve Maan se consolida no Brasil

0
237
Algumas das cervejas que estão a venda no Brasil
Foto -= Divulgação

A Bélgica é conhecida mundialmente por diversos fatores, porém, quando se fala em cerveja, o país é respeitado em todo planeta e inclusive responsável por uma legião de fanáticos pela escola belga e sua criatividade! Um dos cartões postais do país é a cidade medieval de Bruges, local que em 1564 surgiram os primeiros registros da cervejaria De Halve Maan.

Talvez você não conheça a cervejaria, mas já deve ter escutado ou mesmo  provado alguma cerveja da Brugse ZotStraffe Hendrik e Blanche de Bruges, que são importados para o Brasil desde 2015, com toda cuidado que essa história merece. Ainda no século 19, a família Maes comprou a cervejaria e continua administrando o negócio até os dias de hoje, agora na sexta geração.

Para que essa tradição fique cada vez mais evidente no Brasil, a cervejaria montou em 2017 um escritório em São Paulo, o terceiro fora da Bélgica.

Vista dos canais da cidade de Bruges
Foto – Divulgação

“Eu já conhecia as cervejas da Halve Maan, tive a oportunidade de conhecer lá na Europa,  e muito mais do que querer trazer as cervejas ao Brasil, eu queria trazer o projeto de ter um escritório próprio para que pudéssemos cuidar da marca como se fôssemos uma extensão da cervejaria, ou seja, trazer Bruges e a cervejaria De Halve Maan o mais próximo possível do público brasileiro além de ter a garantia que nossos clientes pudessem receber o melhor suporte possível e dar foco em nossos produtos.”, comentou Marcel Ocampo, Managing Partner da De Halve Maan no Brasil.

Atualmente encontramos no Brasil os rótulos mais importantes da cervejaria, são eles: Brugse Zot (Sport, Blond e Dubbel), Straffe Hendrik (Tripel, Quadrupel, Wild e Heritage), Blanche de Bruges e Kriek Max.

Interior da cervejaria De Halve Man em Bruges – Belgica
Foto – Divulgação

SOBRE A DE HALVE MAAN

A cervejaria De Halve Maan está localizada no centro de Bruges, pequena cidade medieval localizada a 100km da capital Bruxelas, na Bélgica. Os primeiros registros da cervejaria aconteceram em 1564, mas desde o século 19 pertence a família Maes, agora na sexta geração

Por lá são produzidas as cervejas Brugse ZotStraffe Hendrik e Blanche de Bruges, todas dentro da parte medieval da cidade e engarrafadas em uma moderna planta engarrafadora também localizada em Bruges, mas fora da área tombada pela Unesco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here