Gin Amazzoni Rio Negro um super premium brasileiro

0
1928
Foto – Divulgação

O mercado do Gin no Brasil continua de vento em popa. Pensado para um mercado mais maduro que busque uma experiencia de coquetelaria mais sofisticada, o Rio Negro produzido pela Amázzoni chega com 51% de teor alcóolico (Amázzoni tem 42%) e uma composição mais intensa.

Receita mais potente

Destilaria Amázzoni

Os botânicos continuam os mesmos mas em proporções diferentes (5 vezes mais zimbro que o Amázzoni) e tratados com duas técnicas de destilação diferentes. Junto com a tradicional técnica do Amázzoni (infusões separadas dos 10 botânicos). O Rio Negro conta também com algum botânicos sólidos direto no alambique para potencializar o efeito deles (zimbro e casca de limão siciliano).

Técnica diferenciada

Essa técnica hibrida de destilação é nova para o Brasil e foi implementada pelo master distiller da marca (e socio fundador) Alexandre Mazza que herdou a responsabilidade de cuidar das alquimias do Amazzoni do mixologista argentino Tato Giovannoni que cuidou da receita original do Amázzoni na origem.

Foto – Divulgação

A ousadia de criar o primeiro gin super premium no Brasil já rendeu ao Amázzoni Rio Negro a Double Gold Medal aos San Francisco World Spirit Competition fato inédito para um destilado brasileiro (fora as cachaças).

Esse premio se soma ao do ano passado quando o Amázzoni foi eleito em Londres como World’s best craft producer aos World Gin Awards (primeira marca da America Latina a conquistar esse reconhecimento).

Onde encontrar

https://www.amazzonigin.com/

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here